Suplementos para emagrecer com saúde

O mercado de suplementos alimentares com foco no emagrecimento está sempre inovando e trazendo produtos que aceleram ainda mais a queima de gordura e auxiliam na perda de peso de forma mais eficiente. As indústrias alimentícias tem buscado alternativas naturais para atrair os clientes, que estão ficando mais exigentes com relação à fabricação do produto.

Uma das novidades neste mercado é a goji berry, uma fruta asiática com aparência vermelha oriunda das montanhas do Tibet muito consumida na região e que traz inúmeros benefícios à saúde. Ela é conhecida como o alimento com a maior concentração de antioxidantes do planeta comprovado por estudos científicos de universidades renomadas.

Apenas para efeito de comparação, o blueberry (alguns chamam de amora em português, mas está errado, o correto é mirtilo), que é indicado por nutricionistas como um potente antioxidante possui uma concentração 10 vezes menor. Além disso, ela tem 50 vezes mais vitamina C do que a laranja e a acerola, o que ajuda a fortalecer o sistema imunológico e prevenir doenças.

Trata-se de um produto que ainda não é muito conhecido no país, mas que está ganhando cada vez mais adeptos e recebendo maior atenção das principais mídias dessa área. Inclusive, já foi assunto de reportagem em grandes canais de comunicação como Globo, Record, Band e SBT. Certamente, este é um suplemento que irá vender bastante nos próximos anos.

Além deste suplemento, surgiu também um treinamento que se baseia no seguinte princípio: os exercícios de curta duração e alta intensidade estimulam a queima de gordura de forma mais intensa do que outros tipos de exercícios recomendados nas academias como a bicicleta ou corrida na esteira.

Isto acontece porque os batimentos cardíacos são elevados rapidamente para a frequência certa em que há a maior taxa de queima das células lipídicas. Além disso, como o corpo sofre um esforço repentino, há uma preferência na utilização da reserva de gordura para gerar energia e manter o organismo em ação.

Dessa forma, você não perde músculos (consequência comum para quem realiza outros tipos de exercícios) e a perda de peso fica concentrada na eliminação da gordura, que é o principal vilão da história. Todos esses princípios estão em artigos científicos que você pode consultar para verificar os fundamentos e se é verdade ou não.

Eu achei bastante interessante e quebra totalmente os paradigmas do mercado de saúde! Acho que vale a pena testar o método e, inclusive, já há muitos alunos deixando depoimentos sobre os seus resultados.

Vou testar também este sistema e assim que tiver resultados, atualizarei o post. Deixe nos comentários a sua experiência porque é importante outras pessoas se animarem para treinar para o verão! hehe!

Abraço!